RevisadoSem signo

Seja você mesmo

Seja você mesmo, porque vai ter um monte de gente tentando lhe mostrar como você tem que ser, e isso não é realmente a melhor coisa para você. O Guru Astral fala porque vale a pena nós sabermos as nossas necessidades e aquilo que nós queremos de verdade na nossa vida. Às vezes a gente não precisa ter todas as respostas do mundo para saber o que a gente realmente quer, mas isso não significa que as pessoas tenham que dizer exatamente como devemos seguir.

Quando você assume um pacto de ser verdadeiro consigo mesmo e passa a não dar mais ouvidos sobre o que as pessoas tentam dizer a seu respeito, é um grande avanço em relação à sua evolução e ao seu amadurecimento. É preciso ter muita personalidade para poder seguir com aquilo que se acredita e também para que você passe pela consideração das outras pessoas por você seguir aquilo que você quer de verdade. Não pense que fazendo isso você estará sempre conquistando a boa opinião das outras pessoas, porque mesmo você mostre ênfase com o que você quer, as guruzinhas e guruzinhos vão tentar mudar você para que vocês sejam o que elas querem.

E talvez você me pergunte o que tem de mal na pessoa que escolhe ser aquilo que as outras pessoas querem que ela seja. Bom, eu garanto que mesmo que você tenha que fazer todas as coisas para poder agradar as outras, nem sempre você vai conseguir a aprovação dessas pessoas e você vai sentir constantemente que está se desagradando internamente.

Além do mais, você vai deixar de fazer aquilo que você realmente quer para poder agradar pessoas que nada têm a ver com o controle da sua vida. Não vale a pena você ficar perdendo tempo para poder chegar ao máximo de perfeição que outra pessoa planeja para você. Eu diria até que não vale a pena nem você se submeter a esse tipo de perfeição porque isso gera um sofrimento e também uma obsessão. As coisas devem fluir de uma forma que fique tudo mais tranquilo e também que você sinta as coisas acontecendo ao seu redor, e não o que as coisas sejam simplesmente forçadas.

Ser você mesmo é dar um grito de liberdade em relação a muita coisa e a muitas pessoas quanto à sociedade. É pagar o preço por ser uma pessoa espontânea e autônoma.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar