RevisadoSem signo

Se acompanhe todos os dias

E aí? Você está se acompanhando todos os dias, como é que anda a sua situação consigo? Você não entendeu a pergunta? Não tem problema. O Guru Astral vai lhe explicar onde que eu quero chegar. Quando você passa a se acompanhar e prestar atenção nas coisas que você faz, tudo parece ter sentidos mais complexos, e você passa a aprender um pouco mais do que está à sua volta. Você já deve ter ouvido aquela expressão bíblica de “Orai e vigiai”, não é mesmo? Ouvindo ou não, é uma expressão que tem muito a nos ensinar e, caso ainda você não tenha percebido qual a razão deste texto, eu vou tornar ainda mais claro. Quando percebemos as nossas ações e quando acompanhamos aquilo que falamos e pensamos, temos muito mais conhecimento das nossas próximas ações.

Se acompanhar é dar um voto de confiança a si sobre a vida, sobre apreciar a própria companhia. Você já deve ter ficado triste muitas vezes por estar em solidão e pela vontade de ter alguém do seu lado te acompanhando. Por mais que talvez você possa ter escolhido ficar em solidão, há momentos em que o excesso de disso pode representar uma dificuldade ou algo que você não está querendo viver naquele momento. E saber apreciar e transformar essa falta de satisfação é ter sabedoria sobre apreciar e estar consigo. Quero que você lembre que você vai ser a sua única companhia até o dia em que você morrer. Você vai estar com você em todos os momentos, e é contigo apenas que você pode contar totalmente para qualquer situação que você vá viver.

Se acompanhar e saber reconhecer tudo que você está vivendo é algo que você vai trabalhar durante todos os seus dias. Pode ser que você não consiga pegar a essência daquela história e talvez você não consiga compreender completamente o que tá acontecendo. E não tem problema se submeter a esse tipo de coisa. Você é um ser humano que está evoluindo e conseguindo compreender alguns passos que estão sendo usados, mas nem sempre isso vai ser uma totalidade. A questão é quando você aceita o desafio de apreciar a própria companhia e entender cada fagulha de pensamento que passa com você. O que diz respeito é o que você pode mudar e aperfeiçoar, além de continuar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar