RevisadoSem signo

Tá na hora de deixar ir

Dói, mas passa. É. Eu sei que tá soando insensível, mas quando a gente começa a andar para a frente, parece que a dor começa a se dissipar mais. Quanto mais distância, mais a gente percebe que aquilo vai ficando menor. Logo, não faz mais diferença. Olhando assim, parece até que estou falando daquela bolsa maravilhosa que vimos na vitrine e não conseguimos comprar, pois nem a parcela cabe dentro do nosso limite do cartão de crédito, porém… estamos falando de guruzinhas e guruzinhos. Sempre elas, né? Acho que lidar com não comprar uma bolsa é mais fácil do que não poder comprar alguém. BRINCADEIRA (Virgem disse).

As guruzinhas e guruzinhos sabem nos envolver, sabem nos levar para onde queremos e muitas vezes para outros lugares proibidos dentro de nossas almas que sequer permitimos. Então, algo vai ficando estranho ou simplesmente um rompimento tão forte acaba com nossas esperanças. Nos perdemos sem aquele porto seguro com o qual tanto contamos. Faz parte, pois não temos como prender ninguém perto de nós. Tem vezes que aquela pessoa já cumpriu o papel dela com a gente. Tem vezes que fomos nós que não cumprimos com ela, só que… já era. Somos outras pessoas, outros quereres e outros pensamentos. Estamos mudando o tempo todo, nós vamos culpar porque alguém mudou? Não podemos, mas fazemos, pois de alguma forma somos assim.

Ah… O Guru Astral queria que as pessoas fossem mais simples e que até todo mundo formasse uma imensa roda de amigos, mas não é assim que acontece. Pelo menos não agora. Tá todo mundo focando em dinheiro, namoros, conseguir, conquistar, mas a consciência, os amigos, amizades ou pessoas que deveriam ter um lugar especial nas nossas vidas… Isso a gente acaba deixando para lá.

Não estou falando que você está fazendo a mesma coisa, mas se estiver, é melhor parar. Você está fazendo isso errado, e uma hora você vai notar. A vida nos dá chances, ela nos mostra quando chegou a hora de a gente sair, mas é a gente que não consegue enxergar. Ou melhor, nem quer enxergar, e é justamente aí que a gente começa a se machucar. Não queria que fosse assim, mas sempre acontece com quem não consegue ou não aprendeu a deixar ir.

Antes que você sinta que vai chorar, é melhor você deixar. Não vai se arrepender se você adiantar. Você vai me agradecer e depois vai sentir o peito descarregar esse peso que ele carregava.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar