RevisadoSem signo

Seu caminho é em outro país

Tá a fim de uma mudança brusca? É. Eu sei que não, mas eu vou lhe dar esse toque mesmo que você não queira muito considerar, mas pelo menos entende que é uma ideia a se pensar. Porém, antes de a gente começar, deixa eu lhe falar algo. Pode ser que as coisas não estejam funcionando porque você precisa arriscar. Talvez seu caminho não esteja aqui, mas em outro lugar, e sabe-se lá onde, mas talvez a sua mente já saiba onde está.

A gente fica insistindo em coisas que não vão funcionar por medo de arriscar e da mudança que isso pode causar não só à nossa volta, mas também dentro de nós.

Só que arriscar pode ser um golpe de misericórdia e muito melhor do que ver o barco afundar. Às vezes os sinais pintam para a gente, e a gente precisa acreditar. Isso não é conversa fiada, não. Muita gente pode puxar uma cadeira e sentar ao seu lado para conversar que foi exatamente assim que conseguiu se encontrar.

Bem, mas vamos ao assunto definitivamente para a gente não mais se alongar. A mudança para outro país pode chocar e fazer a gente não se adaptar, mas é um risco. E qualquer coisa que você faça na sua vida vai ter isso envolvido. O que eu sugiro a você é que você deixe um pouco o medo de lado e e vá se aventurar. Não precisa ir só com a coragem ao seu lado.

Vê se algum amigo quer te acompanhar e se ele topa esse desafio e entra nesse caminho contigo. Outra coisa, você não precisa fazer uma viagem de vez para outro lugar, mas ir aos poucos, ir conhecendo, ganhando confiança e acreditando na mudança. Teste. Vai aprender uma língua nova, mas pelo menos vai estar com uma cultura que te faça ampliar os passos que você tá acostumado a dar. Isso vai funcionar se você estiver com o coração aberto para tentar.

Pode ser que não seja positivo no fim das contas, mas você mais uma vez só vai saber quando estiver lá, tentando e enfrentando os desafios. Uma coisa é certa: independentemente do quanto vai ser difícil para você, você vai voltar com com mais confiança para os pequenos empecilhos que insistirem em te atormentar.

Você quer ser uma pessoa mais forte e corajosa ou quer ser alguém que prefere continuar numa rotina desgastada, pois acha que já aprendeu tudo o que a vida tem para mostrar? Vamos pensar, viu?

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar