RevisadoSem signo

Quando mudar parece não ser o suficiente

Com o tempo, passei a não fazer as coisas que gosto por medo do julgamento das pessoas com quem convivo, porque ao despertar eu simplesmente mudei. Houve vezes em que a velocidade da mudança foi na velocidade da luz, e em outras foi de uma forma bem gradativa.

Tudo isso é uma tremenda tortura para mim, de certa forma, porque, poxa, eu queria continuar tendo os meus amigos, passear com eles, sabe? Ficar até tarde na rua, só jogando conversa fora, queria permanecer com eles sem precisar beber, fumar. Claro que eles não me obrigam a fazer isso, nunca me obrigaram, mas a questão é que não me aceitam como eu sou.

Creio que minhas expectativas na vida e nas pessoas boas estão acabando, ou até mesmo já acabaram, meu Guru Astral. Por isso eu estou desabafando contigo.

Mas sei que no fundo existem muitas pessoas boas, até porque uma grande galera aí ouviu o chamado, aceitou e despertou, mas não sei, eu fico com dificuldade de confiar nas pessoas como confiava antes.

Sei que ninguém me entende, muitas vezes eu não me entendo. Sou um grande fracasso, porém juro que eu tento, e muitas vezes escrevi e reescrevi minha carta de morte, porém, de que adianta tudo isso se eu sei que, se um dia eu morrer, essa carta nunca será lida? Ainda que sabendo que, quando alguém morre, ninguém aponta defeitos a essa pessoa, sei que, no meu caso, continuariam me esnobando.

A minha vida está um caos, e só piora. Todos os dias me seguro para não cometer loucuras das quais não poderia voltar atrás, e eu não sei exatamente o que me impede de terminar com tudo de uma vez por todas.

Não vejo a hora de isso tudo acabar, entretanto, parece que não vai. Cada vez menos quero estar aqui, mas também sei que estamos aqui para evoluir e expandir o amor incondicional a fim de que afete a todos e que todos consigam despertar o seu eu superior.

Tenho vontade de fazer intercâmbio, para fugir de todos os problemas, mas o mais triste disso é que eu sei que esses problemas me acompanhariam. Sabe por quê, meu Guru Astral? A mudança não está fora, e sim dentro; somos reflexo do que falamos, fazemos e pensamos, então, sim, há uma solução, por mais que eu não consiga enxergá-la ainda.

Tudo ficou tão extremo que não sei mais como reagir a nada.

Mas o que eu decidi é que não vou mais me dedicar às pessoas, vou focar em coisas.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar