RevisadoSem signo

Quando ele se encontra sem forças

Eu guardo dentro de mim algo que eu só espero o momento pelo qual você vai entrar por essa porta e me dizer que vai pensar… Que quer ficar. Que vai ficar. Que você vai me fazer feliz.

Como você não pode conceber que a minha felicidade é com você? Por que tantas vezes eu tenho a obrigação de te visitar no meio da noite só para ver como você está? Para poder te tocar e deitar ao seu lado. Eu não suporto ficar mais um segundo. Um segundo sem te tocar. Já se passou tempo demais para você voltar.

E eu te apago instantaneamente da minha mente para não ter que admitir que eu te perdi. Que você se foi para sempre. Minha magia parece não ser mais suficiente para te enjaular. Eu sei que você odeia, mas é a única maneira de eu conseguir ter um pássaro bonito como você. Enquanto todos falam que as belezas exóticas devem ficar livres. Eu admito que meu egoísmo sempre será maior para permitir que um dia você se vá. E quanto mais você se afasta, eu só posso lhe desejar mais que ocupe um lugar que ninguém mais poderia quando eu já tinha fechado uma parcela alta do meu coração onde você entrou. Onde você iluminou. Onde eu quis destruir mesmo que estivesse por lá.

Para um homem como eu é tão difícil admitir que uma moça tão nova como você possa conseguir metade das coisas que tem conseguido, e eu não pude te impedir de brincar com meu coração e tratá-lo tão bem da maneira como você o trata. Porque ninguém o fez, a não ser para ver o tamanho dos meus bolsos.

Se eu abrir mão de toda a minha grana agora, você voltaria? Se eu abrir mão de todo o meu prestígio, você retornaria? Se eu abrir mão de ser uma perfeita escuridão e me ajoelhasse aos seus pés, você aceitaria ser minha mulher para sempre?

Do que você tem medo se o pior já passou? Quando eu deitar na sua cama e você não souber que sou eu. Eu posso te tocar como se ainda fosse minha? Nesse império, todo esse luxo, essa vida sem alma, eu me sinto sufocando em toda garrafa que passa pela minha garganta, toda vez que eu tento ser o pior da minha farsa. É onde eu encontro seu rosto me julgando.

E eu só quero provar que estou bem quando dentro de mim estou em pedaços. E implorando para me dar mais uma chance, mas por fora, amor, eu estarei rindo e envolvendo meus amigos nas risadas da minha própria desgraça.

Você não sabe que eu preciso viver para provar a mim mesmo que você esteve certa desde o início?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar