RevisadoSem signo

Precisamos falar sobre competição

Eu não sei se quem está lendo este texto aqui é aquele tipo de pessoa que adora uma competição e mostrar que está certo a qualquer custo ou se é o tipo da pessoa que não se deixa levar tanto por esse tipo de coisa. Seja lá qual for o seu perfil, o Guru Astral espera que o texto consiga atingir os dois grupos, pois existem diversas coisas que a gente precisa tratar sobre o que significa competição no cotidiano e como isso pode acabar atrapalhando a vida de modo geral.

A competição é uma forma de estabelecer quem pode ser melhor em uma determinada questão e apontar aquele que é pior. Com certeza nós já participamos de algum tipo de competição onde tínhamos que mostrar onde estavam nossos pontos fortes e onde estavam nossos pontos fracos. Até quando vamos fazer algum tipo de teste isso não deixa de ser algum tipo de competição conosco mesmos. A questão é quando isso acaba se tornando uma obsessão e nós queremos extrapolar cada vez mais os nossos limites. E quando isso acontece, nós acabamos ficando cegos e querendo apenas passar por cima de obstáculos que nós mesmos criamos dentro da nossa mente.

O lado positivo da competição é que nos faz crescer e amadurecer. Nos faz entender que a vida é uma eterna competição, sim, e que nós temos que de vez em quando nos adaptar a esse processo para sermos melhores naquilo que nós estamos fazendo. Mas não podemos deixar de lembrar que outras pessoas estão nesse mesmo barco onde elas também merecem ser reconhecidas por aquilo que fazem de melhor.

Às vezes, uma pessoa que é boa em uma coisa não vai ser boa em uma coisa que você faz muito bem. E, por conta disso, vocês acabam sendo testados justamente naquele padrão em que você sabe muito bem como corresponder, mas aquela outra pessoa não. Isso não significa que essa pessoa seja ruim, mas vai existir um apelo externo que vai tentar lhe mostrar que aquela pessoa não é tão boa quanto você, sendo que isso não é verdade. Tudo é uma questão de ponto de vista e de como você é capaz de enxergar alguma coisa como sendo boa ou ruim. Essa mania de a gente julgar muitos outros pode fazer com que a gente julgue errado, e isso acaba influenciando de uma forma triste na vida de outras pessoas e na história delas.

Isso tudo porque nós começamos uma competição toda e que não tinha tanto a acrescentar assim. Mas o nosso ego queria competir para demonstrar para alguém que estava certo e que é melhor do que as outras guruzinhas e guruzinhos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar