RevisadoSem signo

Perdoe

As guruzinhas e guruzinhos devem ter lhe falado isso pelo menos alguma vez na vida. Pode ser que você ache que isso é uma pura besteira e que não tem motivos para realmente você dar o braço a torcer. Só que quando a raiva passa e você vê que nada vale a pena manter esse tipo de comportamento que só te faz mal, você percebe que a coisa vai muito além de apenas dar o braço a torcer. Não se trata mais de quem ganhou e de quem perdeu, mas sim de quem tá saindo perdendo a todo momento nessa história.

Você é uma pessoa incrível, e O Guru Astral tem certeza que você também já deve ter ouvido esse tipo de elogio quanto à sua pessoa. As pessoas já tentaram te colocar para cima, nem que fosse apenas uma delas, e você quis acreditar nisso. Mesmo que muita gente esteja contra você, sempre costumo falar que vai ter alguém que vai ficar do seu lado quando você menos esperar. E talvez a maior prova de maturidade que você pode dar para alguém é você perdoar aquela pessoa, mesmo que ela não seja merecedora desse perdão naquele instante.

A gente também comete os nossos erros, e muitas vezes a gente escorrega naquilo que a gente acabou por dizer e defender. Não tem jeito e não tem como fugir dessa estatística. Pode ser que, conforme o tempo passe, você que esteja precisando de perdão. Olha, você não precisa ficar com a pessoa do seu lado ou fingir que nada aconteceu. A única coisa que eu lhe falo é para você se livrar desse peso que é desnecessário, sim. A gente precisa realmente tomar outro tipo de caminho se a gente quer que as coisas mudem e a gente não sofra mais pelo que aconteceu no passado.

São as atitude de perdoar e deixar o orgulho de lado que nos levam muito mais para a frente, enquanto a pessoa que continua amargurada sofre com isso. Eu acho que perdoar alguém também é perdoar a si próprio. Talvez você não entenda isso, mas perdoar a si próprio é no sentido de você não se machucar mais com coisas que você não fez, mas que você acaba remoendo por muito tempo e se maltratando.

Você não merece mais nada disso. Acredite nisso e siga adiante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar