RevisadoSem signo

Tudo aconteceu em uma mesa de bar

Lembra-se daquele dia em que você sentou numa mesa de bar e de repente as coisas começaram a tremer, pelo menos dentro de você? Tudo começou a ficar completamente diferente do que você tinha se acostumado a sentir, e aí você percebeu que tinha alguma coisa fora do lugar ou algo extremamente errado. Não é que você seja aquele tipo de pessoa que não dá o direito de ninguém mexer nas suas certezas, mas é que volta e meia você não se prepara para quando isso vai acontecer. E aí você tem que lidar com toda aquela enxurrada de sentimento e não sabe direito o que fazer para poder conseguir se segurar. Seja como for, naquele dia mudou completamente como você passou a enxergar as coisas. Alguém te acordou para vários setores aos quais você tinha adormecido e nem sequer tinha notado. Você começou a perceber que tinha sido extremamente egoísta em diversos pontos, mas que tudo bem; agora seria o momento onde você conseguiria se acertar.

Pode ser que este texto esteja dando várias voltas e não chega um lugar definitivo. Mas o objetivo é um pouco disso também. Eu quero que você lembre qual foi o momento na sua vida onde você viu tudo estremecer e toda a sua visão também mudou a partir disso. Pode ter sido um relacionamento ou uma pessoa nova que apareceu e demonstrou que nada daquilo que você tinha acreditado era de fato verdade. Ou então um grande amigo que veio lhe dar várias notícias sobre percepções que não tinham sequer passado pela sua cabeça antes.

Quero, sim, que você lembre o dia que eu não fui tão simples assim para você perceber que você se envolveu num emaranhado de ilusões. Que foi difícil você sair e desamarrar cada nota que estava em você, mas que de fato você conseguiu e vem conseguindo com bastante destreza.

Pode até não ter sido uma mesa de bar, mas vamos fingir que a vida na verdade é um pouco disso. A vida é esse boteco impressionante onde tanta pessoa fala alto e comenta sobre a sua vida, tira várias percepções a partir dos salgadinhos, da cerveja que acabou de tomar. São os flertes que acabamos entregando e também sobre os nossos pensamentos que não param nem quando a gente tenta. É tanta coisa que fica até um pouco ridículo a gente falar que dá e cabe tudo dentro de uma mesa de bar. Mas cabe, sim, e talvez até sobre espaço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar