RevisadoSigno de Virgem

5 maneiras de lidar com um passado traumático: para Virgem

É, Virgem. O Guru Astral tem que falar algo sério com você, hein? Mas me promete que vai ficar só entre a gente? Tô pedindo isso para você poder mais relaxar e pensar sobre isso do que deixar outra pessoa vir te atormentar cheia de ideias que podem te confundir. Não. Foca aqui nos meus olhos ou pelo menos imagina eles, ok? Então… Vamos lidar com esse passado que tem te machucado? Vamos fazer algo para você poder se livrar disso de uma vez? Então, segura na minha mão e não começa a falar que não vai dar certo, ok? Começa a focar que vai acontecer e que você vai se ver livre disso de uma vez por todas. Então, vamos.

1 – O passado não muda mais. Só isso precisa lhe passar a tranquilidade de que o que está lá se finalizou. O que está no passado acabou

Você pode voltar ao passado sempre em sua memória, mas por mais que você pense que podia ter feito diferente, ter dito algo, isso só fica agora na situação de hipótese. Você não tem mais como mudar, Virgem, e isso por si só já é uma finalização, então para que ficar lembrando cada vez mais de algo que não tem mais volta? É uma tortura intensa, não acha? Não é melhor olhar para aquilo que você ainda pode fazer para poder ter um futuro pelo qual se orgulhar?

2 – Lembrar que outras pessoas também estão passando por situações terríveis

Virgem, lembrar que outras pessoas também estão passando por fases ruins vai te ajudar a perceber o tamanho da grandeza do seu problema. Observe que não estamos em uma competição, mas quando a gente nota que existe mesmo coisas bem maiores com as quais a gente se importar… Parece que somos até egoístas de ficar chorando por algo que dá para resolver, que dá para contornar. Lógico que nem tudo dá, mas o que está no passado a gente precisa entender que só há uma forma de lidar agora: superando.

3 – Procurar novas experiências, mesmo que você não dê tanta importância para elas agora

Novas experiências são novas lembranças, Virgem. Fazer algo novo já lhe dá preguiça e vontade de ficar em casa, e é por isso mesmo que você precisa se obrigar a sair ou chamar um amigo que vai fazer isso. É, porque eu já vi essa cena muitas vezes e sei como ela termina: com sorrisos, abraços e com um “Ainda bem que saí de casa”. É assim que você vai deixando o passado pro lado.

4 – Conversar ou escrever sobre isso ao máximo, mesmo que seja repetitivo

Uma vez ouvi que quanto mais alguém fala sobre o passado traumático, mais a pessoa vê que as dores dela vão ficando menores. Deixam de existir? Não, mas isso faz com que a gente pense e avalie se vale a pena ainda se martirizar por tudo isso. Pensa nisso, Virgem.

5 – Se perdoar

Preciso dizer mais? E nem precisa você ter feito algo, mas a outra pessoa. A gente tende a achar que temos fraqueza por ter deixado alguém nos fazer mal. Não temos. Pense nisso.

*Este texto considera histórias mais simples, e não as que contiveram violação e abuso que tantas pessoas viveram. Não tente lidar com isso por conta própria. Busque ajuda!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar