RevisadoSigno de Touro

O encontro do Guru com Touro

Eu estava sentado quando ele veio ao meu encontro. Quase nem pude acreditar, pois ele nunca foi de fazer algo assim, dar um pouco o braço torcer para buscar algum tipo de ajuda, mas ele veio, sim. Caminhando lentamente, mas firme de que estava fazendo a coisa certa, e… estava mesmo. Eu costumo colocar em alguns textos você para cima, dizer para caminhar por certos caminhos, Touro, o que não deve fazer, o que você deve deixar, o que você está perdendo em ficar insistindo no apego, mas pela primeira vez eu te vi ouvir e acreditar que havia algo a ser mudado.

E havia mais do que agora você conseguia enxergar, mas agora eu me contentava com seu primeiro passo, afinal, você tinha aceitado esse caminho para a evolução, onde você poderia parar a qualquer momento. Ah, Touro. A minha vontade era te pegar pelos braços e te abraçar. E quer saber? Eu vou fazer isso. Você vai ficar bem. Eu tenho certeza que vai, porque você pode estar sangrando, mas no fim você não vai morrer.

Você não vai perder aquilo que lhe é mais bonito, e eu tenho fé que você vai saber recomeçar como ninguém. As pessoas podem até não acreditar que você seria capaz de dar esse passo, mas olhe para você agora, Touro. Esse momento chega para todos, e chegou para você. E como eu esperei, esperei muito! O que há a ser feito agora? Eu desejo que você apenas silencie suas exigências, se cale dentro de si e espere que há muito para acontecer, mas antes você ainda precisa romper com tantas coisas, tantas e tantas fitas a que você se deixou amarrar.

A culpa não foi sua, mas agora é tempo de levantar, você precisar cortar os vícios definitivamente.

Você precisa ver que o que você achou que era de bom não é tão bom assim, mas que no final tudo vai se resolver. Touro, o Universo sabe nos ser misericordioso. Ele não vai brincar mais com a sua cara. Será que você ainda consegue acreditar nessas últimas frases? Eu acho que depois de um dia cheio de tempestades você vai conseguir de qualquer maneira. Você deixou uma parte de si para trás, pois ela não servia mais para a sua realidade tão grande agora; mas tudo bem ainda sentir pesar, só que é preciso que você trabalhe para ir longe dele o mais rápido possível.

É, foi um bonito encontro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar