RevisadoSigno de Aquário

No dia que Aquário se olhou no espelho

No dia que Aquário se olhou espelho, primeiro viu que tinha uma espinha no queixo. Mentira, gente — se bem que pode ser verdade e ninguém saber porque a pessoa desse signo não vai falar para a gente. Talvez este seja um texto de reflexão que Aquário não perderia tempo fazendo, mas acredito que, ao ler, pensaria sobre. Uma coisa que Aquário faz com muita frequência é pensar. E ainda bem, porque a gente precisa de pessoas pensantes neste mundo. Chega de gente que só pensa com… sei lá o quê… O estômago? (Olá, Touro…)

Eu acredito que, de vez em quando, se passa uma retrospectiva da vida de Aquário sobre o que conquistou e, assim, como será seu futuro. Por mais progressista que seja esse signo, Aquário também é o tipo de pessoa que vive muito no presente e que não quer se preocupar com que está lá na frente. Claro que se preocupa com o futuro, mas é mais com o futuro coletivo, o que será deixado para as próximas gerações. Quanto a pensar em deixar poupança ou herança, isso acaba não tendo muito espaço na vida de Aquário. Você raramente vai encontrar alguém desse signo tentando se encaixar em um sistema em que todas as pessoas querem fazer isso. Aquário não quer viver como todo mundo.

Afinal, possui uma vida toda com a qual se preocupar. O maior sonho aquariano é deixar sua marca no mundo, fazendo perspectivas mudarem e existir esperança de dias novos e melhores. Talvez, quando Aquário se olha no espelho, se pergunta o porquê de fazer tanta coisa e o porquê de tanto se importar em tentar abrir os olhos dos outros.

Pode ser um tanto cansativo enfrentar os desafios aquarianos do dia a dia. Pode ser cansativo sofrer recriminação várias vezes por ter opiniões fortes e lutar por aquilo que acredita. Por mais que, às vezes, Aquário diga que desejaria ser mais maleável e até levado pelo sistema, logo isso sai da sua mente, pois não tem nada a ver com a sua natureza. O papel da pessoa do signo de Aquário não é nada fácil. Esses nativos carregam muitas dores e críticas a todo momento, mas ainda assim, quando conseguem modificar algo, nem que seja uma centelha, isso já é força suficiente para encontrar em si um novo propósito de vida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar