RevisadoSigno de Sagitário

Nem sempre vai ter Sagitário para te dar uma mão

A verdade é dura, mas é necessária. Quando a gente mais tem ajuda, nem sempre é quando a gente mais valoriza. Tem certas guruzinhas e guruzinhos que aparecem na nossa vida sem avisar, e é meio estranho a gente pensar assim, porque… quem foi a pessoa que realmente avisou que ia entrar? Por acaso alguém faz um anúncio oficial de que vai entrar na vida da gente? Claro que não. As pessoas sempre aparecem de surpresa e quando a gente menos esperar. Foi a mesma coisa com Sagitário. Sagitário aparece assim com esse jeito meio louco e meio serelepe, mas que sabia exatamente o que deveria fazer para poder te tirar de onde você estava. E você aceitou, meio que até sem perceber.

Nos momentos que foram ruins para você, você acreditou em cada palavra que Sagitário disse, em cada gesto, em cada atitude, pois Sagitário tinha um compromisso com a verdade. Sagitário queria mesmo poder te ajudar no que você precisasse, mas então você… se deixou levar, mas se esqueceu de agradecer algumas vezes. Deu os louros pela sua transformação a outros seres, e esse nativo foi sempre ficando de lado, esquecido por você e tal. Ele até falava que uma hora ia embora e ia te deixar, mas você não imaginava a verdade que estava escondida nessas palavras. Você achava que essa promessa nunca iria se concretizar, mas aconteceu.

Quando você foi ver, Sagitário tava cada vez mais com estranheza, mais longe, sendo querido por outras pessoas que de repente fizeram o que você não estava tão a fim de fazer. Quando você foi ver, Sagitário realmente foi resolver as coisas, foi viver as experiências para as quais tanto te chamou, mas você apresentava certa resistência. As coisas mudaram de forma bruta, e você só percebeu quando era tarde. Quando você precisou de ajuda, Sagitário foi a primeira pessoa de quem você lembrou. Até chegou nesse nativo, e ele te ajudou, mas você sabia que não era mais a mesma coisa.

Essa é uma história triste de fato, mas ao menos você aprendeu que quando as pessoas especiais aparecem assim, a gente não pode simplesmente deixar partir, mas apresentar razões para que elas fiquem. Que sejamos agradecidos e crescidos para tudo que nos tem acontecido, pois é aprendizado puro e nunca sabemos quando realmente chegará ao fim, se vai chegar ou não.

Que sejamos livres, mas sempre tenhamos gratidão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar