RevisadoSem signo

O amor é um jogo de dois lados

O amor é o jogo de dois lados onde nós temos que aprender a ceder de vez em quando. Eu sei que falar em ceder não é muito o que você gosta, mas se você tem um sentimento por outra pessoa e quer que ela esteja do seu lado, é importante deixar o orgulho de lado de vez em quando. Você é uma pessoa muito agradável e que muitas pessoas gostam de ter ao lado. Tenho certeza que você também tem suas preferências e que você também busca dar o seu melhor sempre para que o convívio se torne cada vez mais interessante e cheio de vida.

Mas volta e meia não impede de acontecer um mal-entendido que possa acabar com relações que para você podem ter sido estabelecidas com muito amor e sentimentos fraternos. O Guru Astral sabe que dói às vezes a gente querer mais ter razão que o outro. Mas eu lhe peço sempre que você avalie o tipo de decisão que você vai tomar daqui para a frente, porque isso pode acabar influenciando de uma forma definitiva nas relações que você tem e que você preza por ter. Não estou dizendo aqui que você deve abrir mão sempre das suas verdades, mas seria interessante que você desse a oportunidade de deixar a outra pessoa ganhar de vez em quando.

Não se trata aqui sobre ganhar definitivamente, mas também esperar o momento que esteja ideal e um clima até mais descontraído para que você e a outra pessoa possam conversar de verdade sobre algo que não ficou bem entendido. Eu lhe peço que você tenha um pouco desse olhar, porque tenho certeza que outras guruzinhas e guruzinhos também podem olhar para você com mais carinho e os amigos verem que você está faltando com um pouco de discernimento.

Nesse momento, nem sempre somos capazes de enxergar algo que estamos errando e precisamos ter pessoas que possam fazer esse trabalho porque gostam de nós. E essas pessoas podem ser justamente aquelas que nós acabamos tentando descartar, porque não queremos descartar de verdade nosso ego e o nosso orgulho. Não queremos estar por baixo de ninguém, e queremos afirmar que nós sabemos muito bem o que estamos fazendo. E eu acho que nenhuma amizade ou qualquer tipo de relacionamento deva passar por isso.

Pensa com carinho no que eu lhe falei e toma cuidado sobre aquilo que você afirma com muita veemência ou falsa verdade, porque nem sempre tudo é aquilo que nós acreditamos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar