RevisadoSigno de Escorpião

Escorpião escreve a própria história

Pois Escorpião sabe mais sobre si do que muita gente. Pode até parecer arrogância, mas o Guru Astral garante que não. Alguém que já passou por tantas não poderia agir diferente. E é isso que faz justamente o escorpiano seguir em frente, porque sabe que só precisa contar consigo mesmo.

O escorpiano que é signo de seu signo não tem medo. Você vai dizer para mim que estou falando uma tremenda besteira, mas a realidade é justamente essa. Escorpião guarda para si os maiores sentimentos que tem, mas a questão é que… o medo não é nem um pouco parte do modus operandi dos escorpiano.

Se você achar que essa for a sua realidade, sinto em lhe dizer, mas está na hora de você começar a regular alguma coisa aí dentro. Regular, não, digamos… que de repente, parar para você perceber que tá na hora de você querer esconder o seu interior com o foco nas coisas que acontecem no exterior. Você acha mesmo que iam conseguir esconder do seu Guru Astral isso aí que vocês estão fazendo, guruzinhas e guruzinhos de Escorpião? Não mesmo!

Escorpião, você escreve a própria história, porque… talvez seja uma das únicas pessoas que consigam ver realmente como as coisas são a partir da própria emoção. Bom, neste momento eu estou sorrindo para você. Às vezes pego você pensando que tem tanta coisa para consertar dentro de si, mesmo quando volta e meia as outras pessoas vêm lhe dizer algo com que você fique cabreiro.

É difícil demais para você perceber que você tem mudado demais a sua direção nos últimos tempos, inclusive sobre ter enxergado as coisas. Escorpião, você não é a mesma pessoa de antes. Você tem se conhecido o bastante para poder ver onde você pode aparar suas arestas. E tudo porque você tem o poder de mudar todas as coisas. Tem o poder de acreditar.

Escorpião escreve a própria história, pois tem consciência do que precisa fazer. Ninguém vai parar esses nativos, pois para quem tem uma missão na Terra, um obstáculo é apenas um contratempo. Palavra de Guru Astral, porque, se eu estou aqui… nunca te abandonei no meio do caminho, né?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar