RevisadoSigno de Câncer

Dentro de cada canceriana existe um mar de emoções

E você, se não tiver cuidado, pode acabar se afogando. Sim. Não ache que estou falando isso por brincadeira. Não é. Quando o Guru Astral fala sério é porque realmente tem algo bem sério a ser dito. Muitas vezes as guruzinhas e guruzinhos reclamam da intensidade com que Câncer sente as coisas. Reclamam, porque não são elas sentindo, são elas apenas acompanhando o processo. Não é tão justo, mas enfim… Infelizmente o mundo não é justo como deveria. Então eu venho em defesa desse pessoal.

Normalmente, dentro de Câncer já existe um mar de emoções, mas quando unimos isso ao feminino, ao sagrado feminino, aí mesmo que a coisa toma uma outra proporção. Bonita, mas que pode assustar. Assustar, porque não nos acostumamos com isso, mas apenas a sempre matar o que há de melhor dentro de nós: nossos sentimentos. Não deveríamos, mas é o que acontece. A canceriana, por mais que tente e ache que também deveria, não consegue, pois isso é como se estivesse traindo a si mesma. Então ela acaba deixando para lá. E é isso. Não tem essa de você ficar cortando suas raízes.

Você pode achar que é exagero, mas a questão é que essa mulher sente muita coisa e por todo mundo. Enquanto tem gente seca demais no mundo, ela acaba sentindo por elas também. Sentir, sentir sempre e jamais entender o porquê de isso acontecer, pois quando o sentimento está na frente, você não entende com palavras, com lógicas, mas apenas sentindo mesmo. Chega até a ser engraçado, mas de vez em quando é trágico. É, pessoal. Trágico para poder acompanhar o drama da canceriana.

Se você tem uma mulher dessas na sua vida, olhe para ela sobre as coisas que acontecem. Perceba que cada gesto vai ser motivado por algo. A canceriana não faz nada de forma impensada; primeiro ela sente e depois ela transborda o mar que ela tem nela. Uma hora ela pode estar calma, mas depois ela pode não estar tão assim. É justamente isso que a torna cada vez mais encantadora e bonita. E você só pode entender isso quando abrir o coração de forma verdadeira, sem julgar, sem tentar entender, mas apenas… sentir.

Estar com uma canceriana é conhecer o mundo por outros patamares, outras visões e formas maravilhosas, exóticas e excêntricas. É saber que está sendo transformado e aceitar a transformação. É aceitar que a partir dela você é uma pessoa melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar