RevisadoSem signo

Deixe o estresse do lado de fora

A água passeou pelo meu corpo e a temperatura acalantou meu frio. Lembrei-me dos tempos de menina em que estudava cada um de meus traços para encontrar imperfeições. Para não deixar rastros de um produto malfeito e que poderia desagradar o homem que eu amava. Demorei tanto tempo para me aceitar e, quando o fiz, comecei a já não mais aceitar os outros.
Acordei do meu sonho mais uma vez. Nenhum susto como nas noites anteriores. Levantei, caminhei pela casa e tomei o meu copo d’água. Quase que indo novamente no caminho do quarto me detive no pequeno porta-retrato daquela mesa de centro.
Nós parecíamos tão apaixonados. Eu nunca entendi a razão que o levou inúmeras vezes a me trair. Procurar outros corpos, se contentar com outros sorrisos, quando a minha alma e meu coração eram inteiramente dele. No início de tudo, estive satisfeita só ao saber que eu era dele, mas ao descobrir que não era recíproco eu me desfiz.
No entanto, tantos erros e tropeços não foram de todo mal. Me fizeram assumir finalmente a pessoa que eu sempre quis ser. E quando eu fui, não quis mais voltar.
Uma vez você me disse que eu era um pássaro, e eu só pude concordar. Fênix. Sou aquele grande pássaro que renasce das cinzas, mas a jovem rebelde que só procura uma boa gaiola para se prender. A minha cela sempre será suas tríades. A minha inspiração sempre será sua inconstância e frieza. A minha razão de viver sempre será o meu desejo de encontrá-lo… vivo.
Pode me chamar de dramática, se quiser. Eu não estou me importando muito com isso, pois eu só quero ter cada vez mais profundidade no que eu sinto. Se eu amo muito, vou demonstrar isso com todo o meu coração. Não me importo mais em esconder meus instintos. Eu quero seguir adiante, eu quero fazer algumas coisas diferentes agora. Estou a fim de ser uma pessoa nova que depois de renascer acaba se achando finalmente.
Talvez eu tenha que podar algumas plantas, ervas daninhas para fazer esse processo todo de fato acontecer, mas não tenho qualquer problema com isso, meu bem. Talvez você também tenha que fazer a mesma coisa, mas a questão é se você vai querer. Todo esse assunto me estressa, mas acho que só ficarei devidamente tranquila quando encontrar a certeza e a clareza para tudo o que estou sentindo neste momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar