RevisadoSem signo

Tudo o que vai, volta

Você já deve ter ouvido que tudo que vai, volta, e que a gente não consegue fugir desse não apenas ditado, mas de grande aprendizado da vida. As coisas que sempre vão e voltam eu não sei dizer ao certo por que isso acontece. Pode ser que a gente acabe fazendo uma teoria de que como o mundo é redondo as coisas também voltam sempre para o mesmo lugar ou pelo menos para a gente conseguir resolver tudo que ficou para ser resolvido. A gente pode falar diversas vezes sobre isso e tentar entender a razão de as coisas acontecerem novamente em um ciclo que não parece nunca terminar. Porém, o Guru Astral acredita que seja um pouco perda de tempo. Então vamos deixar isso para quando a gente tiver com um pouco de tédio e sem nada para fazer para a gente continuar falando sobre.

Eu quero só que você foque nas coisas que você faz todos os dias e lembre vagamente sobre o que as pessoas também fazem para você conforme os dias passam. Foque primeiro em você para depois pensar um pouco nos outros. Agora realmente não importa a gente ficar julgando ou então apontando os erros de outras pessoas, sendo que elas não têm nada a ver com o nosso percurso. A única pessoa que pode mudar alguma coisa sobre você é você. Ninguém vai conseguir fazer isso com você ainda, que as guruzinhas e guruzinhos lhe tragam algum tipo de conselho ou qualquer coisa do tipo. Só você tem esse poder transformador e realmente muito importante de sempre levar em consideração as coisas que a gente faz para poder aprender com os nossos erros e aprimorar os nossos acertos.

A lei do retorno funciona cada dia com mais intensidade e com mais rapidez do que a gente se acostumou a lidar. Eu me lembro de tempos em que a gente esperava muito para uma determinada coisa acontecer com alguém que essa mesma pessoa acabou provocando para ela. Agora eu vejo uma situação tão parecida acontecendo e as respostas vindo cada vez mais rápido sobre o que está certo e errado. Eu não fico muito ligado nessa questão de vingança ou qualquer coisa do tipo, porém na capacidade de absorção que as pessoas têm de entender que determinados comportamentos não vão levar a gente a nada.

Por mais que você não faça nada com alguém, pense sobre como seria se você pudesse fazer, e isso já é uma ação que você tá praticando. Acredite que essa ação vai acabar voltando para você com um resultado. Preste atenção. Vibre coisas positivas. Esteja com a sua consciência tranquila.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar